quarta-feira, 2 de novembro de 2016

VÍDEO: URGENTE!!! A CAÇADA TERMINOU, POLÍCIA MILITAR PRENDEU "GAGO". INDIVÍDUO ATIROU CONTRA PM'S E TOMOU "CHUMBO"

Graças aos esforços dos policiais militares do destacamento de Granja a caçada ao elemento identificado como Adriano Sousa de Lima, vulgo “Gago”, de 20 anos, chegou ao fim. O indivíduo é fugitivo da cadeia pública da cidade de Granja e há meses a Polícia Militar da região que tem a frente o Tenente Coronel Artunane Aguiar realizava operações objetivando a sua prisão.

video


Considerado perigoso

Gago é fugitivo da cadeia pública de Granja. Ele é considerado pela polícia e pela população de Granja como um indivíduo perigoso. Também é apontado como o chefe de uma quadrilha composta por cerca alguns elementos que vem aterrorizando através de inúmeros assaltos realizados tanto na sede como na zona rural do município.
O grupo liderado por Gago age sempre com violência nos assaltos. Sempre armados com revólveres, eles preferem roubar motos e estabelecimentos comerciais. Têm como hábito ameaçar suas vítimas e chama-las de “vagabundas”.
Sempre após suas ações criminosas, o grupo foge em alta velocidade e se esconde na mata fechada onde existem alguns acampamentos feitos por eles em locais diferentes na zona rural do município.

Gago
Assalto

Durante a noite de terça-feira, 01, por volta das 23h00, Gago e outro elemento chegou em um estabelecimento próximo à rodoviária e rendeu várias pessoas que ali estavam e tomou de assalto vários aparelhos celulares, dentre eles um Iphone. Ao tomar conhecimento, policiais militares do destacamento e do Ronda deram início às buscas por toda cidade e localidades vizinhas. Os pm’s estavam no encalce do elemento, no entanto, o indivíduo se embrenhou mata adentro e mais uma vez conseguiu fugir do cerco policial. Os pm’s continuaram as buscas por toda a madrugada mais não lograram êxito.

Rastreado

Já no início da manhã desta quarta-feira, 02, a vítima proprietária do Iphone foi até os pm’s e disse que havia rastreado o local onde seu aparelho estava, sendo que provavelmente seria o local onde o elemento também estaria. Mais uma vez foi organizada uma operação por parte da Polícia Militar, inclusive contando com policiais de folga. Os militares se dividiram e com o auxílio do GPS cercaram a área onde provavelmente Gago estaria, um local conhecido como Camboa, bem próximo do bairro Campo de Aviação.

Bandido reagiu


Logo que cercaram o local, os pms descobriram o acampamento do elemento dentro do matagal. Foi feito a aproximação cautelosa e tática e quando o bandido percebeu a presença dos policiais respondeu a bala, atirando cerca de três vezes contar a composição militar. Nesse momento, em um ato de legítima defesa, um dos pm’s revidou e desferiu um tiro certeiro contra o marginal. 
Cessada a ação do meliante, os policiais apreenderam a arma do bandido, um revólver taurus calibre 38 com alguns cartuchos deflagrados. 
Correndo risco de morte, o indivíduo foi socorrido em uma viatura da PM até a UPA 24h e devido ao seu estado foi transferido para a Santa Casa de Sobral sob escolta policial.
Contra Gago existe um mandado de prisão e logo que se recuperar será recambiado para a cadeia pública de Granja, local de onde fugiu há alguns meses.
Do blog: Quero aqui parabenizar todos os pm's que há vários dias se reverzavam nas operações para prender o Gago, inclusive policiais voluntários que sacrificavam suas folgas para tentar tirar este bandido de circulação. Fomos criticados e muitas vezes injustiçados, no entanto não nos abalamos, somos profissionais, sabíamos que a prisão do elemento estava próxima. O mais importante, fomos e somos profissionais, poderíamos muito bem ter agido pela emoção e ter dado fim ao elemento naquele momento, no entanto se tivéssemos agido desta maneira estaríamos nos igualando a ele, e isto é o que nos diferencia, a razão, o dever e a ética profisional, somos obrigados a cumprir a lei... Gago foi preso, a resposta foi dada à sociedade, agora é com a justiça!
Efetuaram a prisão: Subtenente Veras, Sgt Edmo, Sgt Gildo, Sgt Arnaldo, Sgt Fontenele, Sgt Gledson, Sds Duarte, Domingos e Leonardo

Camocim Polícia 24h

4 comentários:

  1. agora ele vai falar bem direitinho.

    ResponderExcluir
  2. o policia dos inferno viu tem que executar vagabundo meu povo sou de sobral e moro em sp aqui bandido nao anda atirando a toa em policia nao pq sabe que nao sai vivo

    ResponderExcluir